Injeção de colagenase para Doença de Peyronie

POR Dr. Paulo Egydio

BI-xiaflex

Se você apresenta fibroses características da Doença de Peyronie, talvez já tenha ouvido falar desse tratamento medicamentoso chamado Injeção de Colagenase. Mas você sabe o que é, como funciona, para quem é indicado, onde encontrar e quanto custa em média?

Essas são as informações que você vai obter neste blog, além de conhecer outros tratamentos possíveis para o Peyronie.

Injeção de Colagenase - Para que serve?

A Injeção de Colagenase é a colagenase em sua versão injetável. Essa injeção de colagenase é aplicada diretamente na placa de fibrose para tentar dissolver o colágeno que retraiu, a fim de tentar expandi-lo novamente. 

Neste tratamento, além da aplicação da injeção peniana, existe a necessidade de combiná-la com uma fisioterapia específica que facilita a quebra das fibras de colágeno. 

Como usar Injeção de Colagenase ?

Os protocolos de uso da Injeção de Colagenase variam. A quantidade e o intervalo entre a injeção para Peyronie depende de alguns fatores:

  • Disponibilidade do paciente para ir até o consultório do urologista receber a aplicação
  • Custo
  • Extensão da Placa

O que esperar da Injeção de Colagenase?

Embora a aplicação de colágeno (CCH) para pênis seja eficaz, ela não funciona para todos os pacientes. Sua efetividade depende das características da placa, considerando a localização e estágio em que se encontra cada placa. 

Por exemplo, placas muito duras são mais difíceis de serem revertidas. Por isso, o tratamento não costuma ser indicado para pacientes com quadros de fibroses já calcificadas. 

Se a tortuosidade estiver próxima à uretra, as injeções também podem não ser a melhor opção, pois a injeção de colagenase (CCH) pode atingir a uretra e causar uma lesão no local. 

Quando a Injeção de Colagenase é de fato indicado para o paciente, os protocolos mostram uma efetividade na melhora da curvatura entre 15° e 30°, com resultados menos promissores para casos em que há afinamento peniano.

Para quem apresenta uma deformidade discreta, essa injeção peniana pode solucionar a situação, mas quem tem uma tortuosidade muito acentuada - há casos em que o ângulo pode chegar a 90° -, com afinamento, perda de tamanho peniano e/ou disfunção erétil, provavelmente o uso do medicamento não será suficiente.

Injeção de Colagenase - Preço

Uma vez que o medicamento não tem registro no Brasil, o seu custo é bastante elevado, pois só está disponível nos Estados Unidos - em 2020, os países da União Europeia descontinuaram seu uso

Quanto custa a Injeção de Colagenase?

A MedPage Today, um dos mais importantes portais de notícias voltado a profissionais de saúde e médicos, estima um custo de US$ 4.000 por injeção. 

Considerando o ciclo do tratamento, que varia de quatro a oito injeções, em média, o valor total pode ultrapassar US$ 30.000, sem contar as despesas de deslocamento para outro país em que o medicamento é aplicado e consultas médicas.

É preciso avaliar muito bem o custo-benefício, pois, em muitos casos, a efetividade será baixa.

Outras desvantagens da Injeção de Colagenase

Os efeitos colaterais deste tratamento medicamentoso são hematomas no local da injeção, e mais raramente, ruptura da túnica albugínea. Em casos graves, pode ser necessário fazer uma cirurgia para drenar o hematoma e suturar o local de ruptura. 

Injeção de Colagenase x Cirurgia

Em 2019, participei do Debate do Sobrevivente, promovido pela Associação Americana de Urologia em Chicago, Estados Unidos. Nesta experiência, havia mais três debatedores americanos. 

Os médicos foram apresentados a um caso hipotético de um paciente com Peyronie severo, uma curvatura peniana de 90º, afinamento, perda de tamanho e disfunção erétil. Cada um contextualizou sua proposta de tratamento, e a platéia, composta por cerca de 5 mil urologistas, votou na que julgava mais adequada. 

Uma das propostas para tratar esse paciente foi justamente o uso da Injeção de Colagenase. Ela foi desconsiderada pelos profissionais presentes já no primeiro round. 

O tratamento escolhido, com mais 70% dos votos, foi o procedimento cirúrgico utilizando uma técnica de expansão tecidual com múltiplos cortes, que dispensa o uso de enxertos - foi a proposta apresentada pelo Dr. Paulo Egydio.

A Injeção de Colagenase deve ser indicado com cautela. O caso deve ser de placa não-calcificada, que não esteja próximo da uretra, com um curvatura não tão acentuada, sem afinamento e que ainda tenha boa função erétil.

Caso contrário, esse tratamento não-cirúrgico de custo elevado não vai deixar o paciente satisfeito com o resultado. 

Entre em contato com a minha equipe para obter uma avaliação para o seu caso. Vamos conversar em busca de uma solução individualizada para você.

Não deixe de assistir ao vídeo sobre a Injeção de Colagenase que eu publiquei no meu canal do YouTube. Para ver o conteúdo na íntegra, clique aqui!

Injeção de Xiaflex

ENVIAR UM WHATSAPP

LEIA MAIS

Para conhecer mais sobre o trabalho desenvolvido na clínica pelo Dr. Paulo, confira:

Dr. Paulo Egydio

MD, PhD, Dedicado no Tratamento da Doença de Peyronie, Pênis Curvo e Implante de Próteses Penianas. Doutor em Urologia pela USP, CRM 67482, RQE 19514. - Vencedor do Debate do Sobrevivente da AUA em 2019.

INSCREVA-SE NO BLOG